COHAB Minas e Prefeitura de Campos Altos firmam parceria “COHAB mais perto”.

0
1094

O município de Campos Altos através do chefe do executivo, prefeito Paulo Almeida, firma convenio com a COHAB Companhia de Habitação do Estado Minas Gerais, visando dar melhor assistência para todos os mutuários. Este programa proporciona uma maior aproximação de seus mutuários junto a COHAB, tendo em vista que a mesma possui somente quatro regionais em todo o estado. Quando a COHAB consultou a prefeitura se teria interesse de auxiliar seus mutuários indicando um funcionário público para passar por uma capacitação, o prefeito não hesitou, indicando prontamente o servidor Leandro Moraes Braga que passou por capacitação, nos dias 23 e 24 de outubro na sede da COHAB em Belo Horizonte, visando estreitar os laços da COHAB com os nossos mutuários. O servidor Leandro M. Braga será o elo entre os mutuários e a COHAB, onde o mesmo irá orienta-los sobre as diversas duvidas do mutuário e se persistir alguma duvida ele entrará em contato com a companhia tentando solucionar qualquer problema que ocorrer.

A prefeitura ainda faz o serviço de utilidade pública, informando a todos os mutuários que por ventura tiverem alguma pendencia com a COHAB que a partir do dia 01 de novembro até 28 de dezembro do ano em curso, terão o desconto de 100%  na multa e juros de mora, ou seja, quem puder aproveitar essa oportunidade, pagarão seus débitos somente com o valor corrigido, sem multa e sem juros de mora.

Prefeitura Municipal viabiliza o projeto para construção de 50 novas moradias.

Mesmo depois de protocolar junto à superintendência da Caixa Econômica Federal em Uberlândia o projeto para construção das 50 moradias para população de baixa renda (Faixa 01), ou seja, com renda familiar de um salario mínimo e ainda ter sido informado que dependeria somente da aprovação do Ministério das Cidades. O prefeito Paulo Almeida com menos de uma semana já se encontrava em Brasília, acompanhado do Dep. Federal Newton Jr e seus companheiros prefeitos José Humberto e John Wercules, reunidos com a Sec. Nacional de Habitação Maria Henriqueta Castro para verificação de aprovação do referido projeto, sendo que a Sec. Nacional de Habitação, Maria Henriqueta deu seu aval que o mesmo seria aprovado. O chefe do poder executivo continua as negociações com a COHAB, porem não havendo possibilidade de construções de moradias de faixa 01, ou seja, com renda familiar de um salario mínimo e sim para interessados em moradias para faixas 1,5 e faixa dois (Ou seja, renda familiar de um salário e meio e ainda de dois salários). Para estes interessados é que o prefeito luta para contempla-los, inclusive com a possibilidade de construção de apartamentos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.